Muhammed Faris

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Mohammed Faris
Muhammed Faris
Nascimento 26 de maio de 1951
Alepo, Síria
Morte 19 de abril de 2024 (72 anos)
Nacionalidade sírio
Serviço militar
Patente General, Força Aérea Árabe Síria
Carreira espacial
Cosmonauta do Intercosmos
Tempo no espaço 7d 23h 04m[1]
Seleção 1985[1]
Missões
Insígnia da missão
Aposentadoria 1987[1]

Muhammed Ahmed Faris (árabe:محمد أحمد فارس) (Alepo, 26 de maio de 195119 de abril de 2024) foi um aviador militar e foi um cosmonauta sírio. Ele foi o segundo árabe e primeiro e único cidadão da Síria no espaço.[2]

Biografia

Faris era coronel da força aérea síria e se especializava em navegação quando foi selecionado, em setembro de 1985, para participar do programa espacial Intercosmos, criado nos anos 70 pela URSS, para levar cosmonautas dos países politicamente alinhados ao espaço.

Depois de passar por treinamento na Cidade das Estrelas, Faris foi ao espaço como cosmonauta-pesquisador em julho de 1987, na nave Soyuz TM-3, para uma semana de estadia de trabalho e pesquisas na estação orbital russa Mir, retornando à Terra na Soyuz TM-2.

Após seu voo, ele voltou para força área de seu país e recebeu do governo soviético a Ordem de Lenin e o título de Herói da União Soviética.

Em 4 de agosto de 2012, durante a guerra civil na Síria, Muhammed Faris abandonou o país e se juntou à oposição na Turquia.

Faris faleceu no dia 19 de abril de 2024.[3]

Ver também

Referências

  1. a b c «Cosmonaut Biography: Muhammed Faris». 20 de abril de 2024. Consultado em 21 de abril de 2024 
  2. «عارض "الأسد" وانحاز للثورة.. وفاة رائد الفضاء السوري محمد فارس في تركيا». تلفزيون سوريا (em árabe). 19 de abril de 2024. Consultado em 19 de abril de 2024 
  3. Pearlman, Robert Z. (20 de abril de 2024). «Cosmonaut Muhammed Faris, first Syrian in space, dies at 72». Space.com (em inglês). Consultado em 21 de abril de 2024 

Ligações externas